Competição

Provas de Cães de Parar

No caso da prova ter como conquista, não o C.A.C.T, mas um C.A.C.I.T. (Certificado de Aptidão para o Campeonato Internacional de Trabalho), os concorrentes que obtiveram na sua série percursos com mérito para C.A.C.T., irão disputar entre si uma “barrage” (circuito de tempo reduzido) para a atribuição do C.A.C.I.T. e R.C.A.C.I.T. (Reserva de C.A.C.I.T.). Em cada série pode ser atribuído um C.A.C.T. e um R.C.A.C.T., no entanto à “barrage” final só vão os concorrentes que obtiveram C.A.C.T. Nessa “barrage” distinguem-se os exemplares basicamente pelo estilo da sua busca, dentro dos padrões de cada raça. Durante a “barrage”, se surgir de algum concorrente uma falta eliminatória, ele será automaticamente excluído da possibilidade de conquista do C.A.C.I.T.

Provas de Stº Huberto, cão e caçador em perfeita sintonia

Paralelamente às Provas de que já falei, existem outras em que podemos participar com os nossos Cães de Parar. De uma forma sintética, pode-se dizer que a Prova de Stº Huberto consiste num percurso de caça de 20 m, em que a prestação do caçador e do seu cão são avaliados por juizes.

Este percurso tem regras que, mais uma vez e na linha das outras Provas, primam por uma forma de estar na caça com respeito pela mesma. No percurso de 20 m só se poderão abater 2 peças, que sejam devidamente paradas pelo cão e, para esse efeito, só se poderão utilizar 4 cartuxos. Tem-se em linha de conta o trabalho do cão como caçador e a relação entre o conjunto, o espirito desportivo do caçador e a sua segurança como atirador, não só no momento do tiro bem como na forma como transporta a arma e como com ela aborda os diversos obstáculos.

Se fizermos uma primeira abordagem em que salientamos só o trabalho do cão, poder-se-á dizer que estas Provas são convidativas para quem não trabalhou especificamente os seus cães para Provas de Trabalho, de participar nelas e até com algum êxito.

Se alguns aspectos de treino especifico não são tão importantes, como por exemplo o respeito ao levante, existe outros que se desenvolvem na prática da caça real e que assumem nesta prova factor primordial: a ligação com o caçador e a eficácia, de encontrar rapidamente caça são determinantes no trabalho do cão.

Este tipo de Provas, para além do interesse que têm por si só, consiste num polo de atracção de novos adeptos para os outros tipos de Provas de Cães de Parar.

COMENTÁRIOS

    MORADA

    Sesimbra Natura Park
    Telemóvel: (+351) 919 288 790
    (Ver Localização)

    Website: http://www.canilbeiratejo.com
    Email: canilbeiratejo@gmail.com

    Jorge Piçarra

    Desde muito cedo surgiu a paixão pelos cães de parar. Os primeiros passos nesta arte foram dados em conjunto com o meu pai e com ele acompanhei desde tenra idade o evoluir dos cães de caça, que sempre fizeram parte do seio familiar.

    APOIOS

    Show Buttons
    Hide Buttons